A Black Bulls somou os primeiros três pontos no Moçambola 2023 ao receber e golear o Matchedje por 4-1 em jogo da "/> A Black Bulls somou os primeiros três pontos no Moçambola 2023 ao receber e golear o Matchedje por 4-1 em jogo da "/>
desporto mocambicano

Touros põem Militares em sentido na abertura do Moçambola 2023 

  • 607

A Black Bulls somou os primeiros três pontos no Moçambola 2023 ao receber e golear o Matchedje por 4-1 em jogo da primeira jornada do Campeonato Nacional de Futebol que arrancou neste sábado, 15 de Abril, sem pompa nem circunstância, ou seja, sem brilho ou festa que em anos anteriores caracterizou o arranque da competição mais mediática do desporto nacional.

 

Por Alfredo Júnior e Sérgio Sitóe (Fotos)

 

O pontapé de saída do Moçambola 2023 aconteceu cerca de cinco meses depois de ter terminado a edição do ano passado em que o “touros” terminaram em segundo lugar, enquanto que o “militares” conquistaram a ascensão ao Campeonato Nacional de Futebol, um regresso dez anos depois da sua última presença.

 

Tal como se previa a turma da casa caiu em cima dos visitantes e como fruto dessa pressão inicial a Black Bulls chegou ao golo inaugural do Moçambola 2023 com Melque Alexandre a aparecer na posição certa e a rematar para o fundo da baliza de Jonas que nada poderia fazer para evitar o pior para as suas redes.

 

VEJA O RESUMO DO JOGO NO NOSSO YOUTUBE: 

 

Os “militares” não se encolheram com este golo madrugador e dez minutos chegaram ao tento de empate com Macamito a rematar forte e de cabeça para o fundo das redes de Ivan que foi recolher a bola no fundo das suas redes.

 

Mas não tardou que a Black Bulls reassumisse o comando da marcha do marcador, pois quando estavam jogados 19 minutos, Pepo tira um centro da esquerda para a direita onde aparece Fidel a rematar para o fundo da baliza, fazendo o 2-1 para a turma da casa.

 

Ao longo dos minutos que se seguiram a Black Bulls teve várias oportunidades para dilatar o marcador perante as facilidades defensivas do Matchedje, mas os atacantes da equipa de Hugo Martins não tiveram pontaria afinada, visto que as suas iniciativas não eram concluídas da melhor forma, tal e qual se recomendava.

 

O intervalo chegou com essa magra vantagem para a equipa vice-campeã nacional.

 

No reatar da partida os “militares” apareceram mais dinâmicos, procurando chegar mais vezes à baliza de Ivan que aos 73 minutos viu o golo rondar a sua área, mas os atacantes da equipa de Abineiro Ussaca não tiveram pontaria suficiente para chegar ao golo de igualdade.

 

A resposta dos “touros” aconteceu aos 76 minutos quando Fidel tirou um cruzamento açucarado, com Vitor a rematar para a defesa de Jonas para canto.

 

Pouco depois e numa jogada de insistência a Black Bulls chegou ao terceiro golo quando Jesus apareceu a rematar para o fundo das redes, sem hipóteses para o guarda-redes dos “militares” que foi recolher a bola na sua baliza.

 

Os “militares” passaram a jogar com menos uma unidade, após Loló ver pela segunda vez a cartolina amarela e ser expulso depois de puxar Stephen pelos calções.

 

E já em cima do minuto 90 Fidel volta a trabalhar bem pela direita e faz mais uma assistência, desta feita para Danilo que apareceu no lugar certo a enviar a bola para o fundo das redes, fixando o resultado final em 4-1, uma goleada alcançada pela Black Bulls que mostrou qualidades de candidata ao título.

 

FICHA TÉCNICA

CAMPO Nº2 DA ABB - TCHUMENE

ARBITRAGEM DE Celso Alvação; 1°Assistente: Venestâncio Cossa; 2° Assistente: Inocêncio Virgílio; 4° Árbitro: Fernando Judite

 

BLACK BULLS - Ivan; Fidel, Martinho, Chamboco e Danilo; Nené, Kadre, Stephan e Pepo (Vitor 70’) ; Hamed (Rume 81’) e Melque (Jesus 70’)

 

Treinador: Hugo Martins

 

MATCHEDJE - Jonas; Bororo, Pelembe, Malela, Pachel; Loló, Finidy (Gabi 56’), Kabila, Macamito (Franque 56’), Drolas (José 81’) Macamo (Jamal 81’). 

 

Treinador: Abineiro Ussaca

 

GOLOS: 1-0 (Melque, 3'), 1-1(Macamito, 13'), 2-1 (Fidel, 19'), 3-1 (Jesus, 76’) e 4-1 (Danilo 90’)

 

Acção Disciplinar: cartão amarelo para Loló (60’ e 87’), Pelembe (76’); Cartão Vermelho para Loló (87’) por acumulação de amarelos

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .