desporto mocambicano

Denny abate touros e quebra invencibilidade dos líderes do Moçambola 2023

  • 1804

Um golo solitário de Denny foi suficiente para a Associação Desportiva de Vilankulo vencer a Associação Black Bulls que perdeu pela primeira vez no Campeonato Nacional de Futebol. Foi a passagem da nona jornada do Moçambola que os “touros” foram abatidos nesta prova que já leva sete vitórias e um empate. Apesar da derrota, a turma de Hugo Martins mantém a liderança isolada na tabela classificativa com 22 pontos.

 

Por Redacção LanceMZ

 

Quando a Black Bulls fez os cerca de 700 quilómetros de distância que separam a cidade de Maputo a vila turística de Vilankulo, sabia que a Associação Desportiva local tem dificultado a vida aos seus adversários no campo Municipal daquela urbe. É que só nesta temporada, candidatos ao título perderam pontos no Alto Makhassa, pois o campeão em título União Desportiva do Songo e o Ferroviário de Maputo saíram daquele recinto derrotados, ambos por uma bola a zero.  

 

Por seu turno, a Associação Desportiva de Vilankulo vinha pressionada após ter saído derrotada na deslocação que fez à casa do Ferroviário de Quelimane, por 1-0, daí que era imperioso para os pupilos de Antero Cambaco chegarem a um resultado positivo para não se atrasarem ainda mais nos seus objectivos.

 

Estes pressupostos fizeram com que a partida assumisse contornos de equilíbrio ao longo da primeira parte, as duas equipas procuraram chegar ao golo, mas faltou clarividência ofensiva, daí que recolherem para o intervalo com o nulo a prevalecer.

 

No reatar da contenda e a passagem do minuto 58 e no seguimento de um livre, cobrado por Betinho, os “hidrocarbonetos” chegaram ao golo apontado por Denny, numa jogada em que o guarda-redes Ivan fica mal na fotografia, ao fazer uma defesa incompleta e permitir que o adversário enviasse a bola para o fundo das redes.

 

Daí para frente a equipa da casa passou a iniciativa do jogo a Black Bulls que de tudo fez para chegar ao golo de empate, porém não mostrou arte para enganar a defensiva do Vilankulo que soube preservar a vantagem magra que ostentava.

 

Na sequência da pressão exercida no último reduto dos “hidrocarbonetos” a turma da capital do país reclamou uma pretensa grande penalidade, mas a árbitra Ema Paulo Novo assim não o entendeu, apesar dos protestos de todo banco técnico dos "touros".

 

O tempo foi transcorrendo, a Black Bulls não encontro caminhos para no mínimo chegar ao golo de empate, a Associação Desportiva de Vilankulo fez de tudo para evitar o pior para as suas redes, tendo a partida terminado com essa magra vantagem da equipa que representa a província de Inhambane no Moçambola que festeja mais três pontos num jogo frente a um candidato ao título.

 

Com a vitória, a AD Vilankulo passa a somar 13 pontos ocupando a quinta posição da tabela classificativa e na 10ª jornada desloca-se à casa do Baía de Pemba FC. (LANCEMZ)

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .