desporto mocambicano

Dayo faz hat-trick e descarrilar locomotivas do Chiveve em plena barragem do Songo

  • 547

A União Desportiva de Songo recebeu e goleou tranquilamente o Ferroviário da Beira, por 3-0, no dérbi da zona centro do país, em partida da nona jornada do Campeonato Nacional de Futebol, Moçambola. Com a vitória, os “hidroeléctricos”fizeram descarrilar os “locomotivas”do Chiveve da segunda posição da tabela classificativa, pois a turma do Songo passou a somar 16 pontos, contra 15 do seu oponente, estando a seis pontos do líder Black Bulls.

 

Por Atílio Huo

 

Este domingo foi para lá de especial para o Dayo ao marcar os três golos que deram vitória à União Desportiva do Songo, diante dos “locomotivas” do Chiveve, clube que o atacante representou na temporada passada e que lhe lançou para a alta roda do futebol nacional. Diga-se que o avançado internacional moçambicano, Dayo, fez, nesta tarde, uma montra para despertar a atenção do Seleccionador Nacional ao apontar um hat-trick.

 

Os “hidroeléctricos” começaram a construir o triunfo nos primeiros instantes da partida, com Dayo António a apontar o primeiro golo quando estavam decorridos quatro minutos, ou seja, as duas equipas ainda faziam o estudo mútuo de como cada uma se apresentava em campo.

 

A entrada de rompante dos donos da casa acentuou-se a passagem do minuto 13, com Dayo a mostrar que estava numa tarde de pé quento, ao apontar o tento que fez com que a primeira parte terminasse com 2-0 no marcador, com este resultado estava aberta a via para um triunfo tranquilo. 

 

No regresso do intervalo, os locomotivas não baixaram os braços, e foram a luta, de sorte, que conseguiram  equilibrar o jogo, tendo criado oportunidades, mas sem alterar o marcador. A UDS, bem astuta, voltou a se destacar ao elevar o resultado para 3-0, com mais um golo do Dayo, a partir daí os beirenses já não tiveram capacidade de reacção. 

 

Com dois golos de desvantagem o Ferroviário da Beira, que não contou com a presença do seu treinador Hélder Duarte, não conseguia encontrar caminho para no mínimo reduzir a desvantagem de dois golos trazida da primeira parte.

 

A turma do distrito onde está localizada a Hidroeléctrica de Cahora Bassa foi gerindo a vantagem e o resultado ao seu belo prazer, enquanto que o seu oponente via-se à nora para poder inverter a tendência do jogo.

 

E quando a partida caminhava para a ponta final, ou seja, aos 82 minutos, Dayo António encerrou a sua tarde de gala e de sonho ao anotar o terceiro golo na sua conta pessoal e na partida, um hat-trick com sabor especial, tendo em conta que foi diante de uma equipa que representou em tempos.

 

Com esse resultado, tanto a UDS como o Costa do Sol, subiram para o segundo lugar na tabela classificativa, ambos com 16 pontos e o Ferroviário da Beira encontra-se no quarto lugar com 15. Na primeira posição encontra-se a Associação Black Bulls com 22 pontos. (LANCEMZ)

 

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .