O Costa do Sol e o Ferroviário de Maputo não foram além de um empate a duas b "/>  

O Costa do Sol e o Ferroviário de Maputo não foram além de um empate a duas b "/>

desporto mocambicano

Costa do Sol e Ferroviário de Maputo empatam e atrasam-se na perseguição ao líder

  • 540

 

O Costa do Sol e o Ferroviário de Maputo não foram além de um empate a duas bolas num dos jogos de cartaz da 18ª jornada do Moçambola 2023, realizado na tarde deste sábado no campo dos “canarinhos”. O jogo valeu mais pelos quatro golos que deliciaram o público que não chegou a preencher as bancadas do recinto. “Canarinhos” e “locomotivas” continuam empatados na tabela classificativa, agora com 26 pontos, e arrasaram-se na perseguição ao líder do Moçambola 2023.

 

Por Redacção LanceMZ

 

Tratou-se de uma partida dividida, onde na primeira parte, as duas formações entraram determinadas a buscar os três pontos. O primeiro golo pertenceu a formação anfitriã, por intermédio de Boyomo, que, aos 22 minutos, abriu o contagem, aproveitando uma distração dos centrais “locomotivas”.

 

Porém, a vantagem no marcador durou pouco, pois três minutos depois, aos 25, Mário visou a baliza defendida por Joaquim beneficiando-se de um erro de marcação da defesa canarinha e restabeleceu a igualdade, desta feita a uma bola. E foi com esse resultado que os dois conjuntos saíram para o intervalo.

 

A segunda parte começou igual a primeira, com os dois lados esboçando jogadas ofensivas. E numa dessas jogadas, construída por Jeitoso, a partir do sector da defesa, fez um passe longo que encontrou Tununo no lado esquerdo do ataque dos “locomotivas” da capital, o lateral tabelou com o capitão Kito, que, de primeira, fez um passe infiltrado para Maxwell chegar e cruzar tenso para a pequeno área onde, Mário, apareceu a fazer o 2 a 1, marcando assim o seu segundo tento da partida, estavam jogados 49 minutos.

 

O golo dos “locomotivas” obrigou o Costa do Sol a sair para o ataque, e, aos 54, num contra-ataque, com Chester a receber em velocidade na direita, e tirar um cruzamento-remate e na tentativa de defender, o guarda-redes Manuel Tivane comete um erro grave e deixa a bola entrar na sua baliza, permitindo o golo que igualou  o marcador a duas bolas.

 

Até ao fim da contenda arbitrada pelos internacionais Celso Alvação, Arsénio Maringule (1º Assistente), Zacarias Balói (2º assistente) e Wilson Muianga (4º árbitro) o resultado não mais sofreu alterações, mantendo assim as posições das duas formações na tabela classificativa, passando cada uma a somar 26 pontos.

 

Noutro jogo da tarde, o Baía de Pemba recebeu e venceu a União Desportiva de Songo por 2 a 1, com golo da vitória a ser marcado por Guidêncio aos 90 minutos na conversação de uma grande penalidade. Com a vitória, o conjunto de Artur Semedo sobe para o 6⁰ lugar com 26 pontos igualando o Ferroviário de Maputo e Costa do Sol na 4a e 5a posição respectivamente.

 

CAMPO DO COSTA DO SOL

Arbitragem de Celso Alvação, auxiliado por Arsénio Maringule (1º Assistente), Zacarias Balói (2º assistente) e Wilson Muianga (4º árbitro)

 

COSTA DO SOL: Joaquim, Ciganinho, Chico Mioche,, Chico Muchanga, Jorge, Mexer, Chirwa, Chester (Alex), Chissala, Boyomo (Isac de Carvalho 74’) Mbulu

 

SUPLENTES: Victor, Ossama, Abu, Marty, Núrio, Nandinho, Baptista, Alex,

 

Treinador: Horácio Gonçalves

 

FERROVIÁRIO DE MAPUTO: Manuel, Nelson Manuel, Jeitoso, Huga, Tununo, Kito (Yude), Shaquile (Fortinho), Ezequiel, Celso, Maxwel (Jafete) e Mário (Beto Maravilha)

 

SUPLENTES: Franque, Yude, Shelton, Jafete, Nota e Paulana

 

Treinador: João Chissano

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .