desporto mocambicano

Campeão Black Bulls inicia defesa do título com derrota diante da União Desportiva do Songo

  • 366

A União Desportiva do Songo derrotou por uma bola a zero, golo apontado por Dayo António, a Associação Black Bulls em jogo decorrido em casa do detentor do título do Moçambola em partida que marcou a abertura do principal Campeonato Nacional de Futebol e que teve lugar no Complexo Desportivo de Tchumene, onde os “touros” foram imperiais ao longo da época passada. 

 

Por Redacção LanceMZ 

 

Logo de início do jogo, os dois treinadores colocaram as suas equipas a jogarem ao ataque, com a Black Bulls a ameaçar a baliza contrária num livre de Melque defendido por Ernani Siluane.

 

Na resposta os “hidroelétricos” estiveram próximos do golo, mas faltou arte a Dayo António para aproveitar a recarga e rematar para o fundo da baliza de Ivan que estava já batido. 

 

A partida ganhou dinamismo, com ataques a sucederem nas duas grandes áreas, mas faltava o tiro certeiro para o fundo das redes.

 

John Banda assiste para golo solitário de Dayo António

 

Mas, aos 31 minutos e na sequência de uma boa combinação ofensiva dos visitantes, o capitão John Banda faz uma preciosa assistência para Dayo António que com toda calma fez o que lhe competia ao rematar para o fundo da baliza de Ivan que nada poderia fazer para evitar o golo. Era o primeiro tento da contenda merecido para a equipa forasteira que foi mais eficaz. 

 

Pouco tempo depois o árbitro Artur Alfinar dava por terminada a primeira parte com essa magra vantagem da União do Songo. 

 

Na segunda parte, Edmilson Dove colocou o seu pé esquerdo a bater um livre que levava selo de golo, mas Ivan demonstrou atenção entre os postes defendendo o remate do atingo jogador do Cape Town City. 

 

Do outro lado foi na sequência de um pontapé de canto que os “touros” voltaram a ameaçar a baliza adversária, com o cabeceamento de Anacleto a ser defendido com uma palmada de Ernani que desviou a bola para novo canto. 

 

A Black Bulls continuou a procura do golo de igualdade dando muito trabalho ao guarda-redes adversário que teve que se aplicar para evitar males maiores para a sua baliza. 

 

A União do Songo apostava em contra-ataques para surpreender o último reduto dos donos da casa, com Fokem a testar a atenção  de Ivan. 

 

Pouco depois foi a vez do capitão John Banda se colocar numa posição frontal à baliza dos “touros”,  mas Ivan voltou a demonstrar ser uma barreira intransponível. 

 

E foi com essa magra vantagem que a União Desportiva do Songo conseguiu arrancar três preciosos pontos na casa do campeão em título, no arranque do Moçambola 2022.  (LANCEMZ)

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .