Três pugilistas moçambicanos conseguiram qualificar-se para as finais do Campeonato Africano de Boxe que decorr "/> Três pugilistas moçambicanos conseguiram qualificar-se para as finais do Campeonato Africano de Boxe que decorr "/>
desporto mocambicano

Trio confirma presença inédita na final do Africano de Boxe

  • 407

Três pugilistas moçambicanos conseguiram qualificar-se para as finais do Campeonato Africano de Boxe que decorre na capital do país concretamente, no Pavilhão da Universidade Eduardo Mondlane. Tratam-se de Armando Sigauque, Yassine Nordine e Albino Gabriel, que venceram os combates disputados na quinta-feira, 15 de Setembro, e asseguram também a conquista de no mínimo medalha de prata.

 

Por Alfredo Júnior e Jaime Machel (Fotos)

 

Depois de protagonizar um dos momentos mais espectaculares do Campeonato Africano das Nações de Boxe, o pugilista moçambicano Armando Sigauque qualificou-se para a final da categoria dos 54-57kg  ao derrotar o ugandês Jonathan  Kyobe.

 

Num combate bastante equilibrado, Sigauque contou com o forte apoio da torcida da casa que o puxou para a vitória no final dos três assaltos, com os juízes a apostarem na decisão dividida, split decision, para encontrarem o vencedor do combate.

 

Na final de sábado, Armando Sigauque vai medir forças com o pugilista Ben Banda da Zâmbia que na meia final derrotou a Samuel Njau do Quénia.

 

EQUILÍBRIO NOS COMBATES

 

Já na categoria dos 63.5-67kg,  Paulo Jorge Brito enfrentou a Patrick Ngueumaleu dos Camarões, num combate bastante disputado e que tinha vencedor incerto. O primeiro e o segundo assalto foram divididos, com a vantagem a pender para cada um dos lados.

 

No terceiro assalto, Paulo Jorge Brito voltou a procurar a vitória o que levou os juízes a optarem pelo Split Decision para encontrar o vencedor desta contenda, atribuindo o triunfo ao camaronês.

 

Quem também conseguiu apurar-se para a final foi  YassineNordine que derrotou o pugilista do Botswana Kobamelo Molatlhegi, num reencontro entre ambos atletas que se enfrentaram no Campeonato Regional da Zona IV.

 

Depois de estar em desvantagem no primeiro assalto, Nordine recuperou no segundo e terceiro round, o que levou aos juízes a atribuírem vitória ao moçambicano por 3-2, ou seja, a famoso Split Decision, decisão dividida. Nordine está na final que terá lugar no próximo sábado.  

 

ALBINO GABRIEL FECHA QUALIFICAÇÃO COM KO

 

O último moçambicano a conseguir uma qualificação para o mundial foi Albino Gabriel que se qualificou para a final depois de vencer em menos de um minuto e por KO ao atleta Bonginkosi Nhlapho da África do Sul, em um combate inserido nas meias-finais da categoria dos 80-86kg.

 

Gabriel fechou em grande esta jornada dos moçambicanos nesta Campeonato, fazendo história que é a presença de quatro pugilistas em finais o que equivale dizer que já garantiram a conquista de no mínimo da medalha de prata e do prémio de 5 mil dólares americanos (cerca de 300 mil Meticais) para cada pugilista. (LANCEMZ)

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .