desporto mocambicano

Hassane Júnior promete Brera que ataque árvore a árvore para completar a floresta da manutenção

  • 116

A turma do Brera Tchumene prepara-se para fazer a sua estreia absoluta na principal competição do futebol moçambicano e o seu treinador, o jovem Hassane Júnior ao lado do capitão Júlio Carrelo mostrou-se confiante numa boa prestação no Moçambola, sendo que para o jogo de abertura diante do Desportivo de Nacala quererão fazer valer o factor casa para chegar à sua primeira vitória na competição.

 

Por Redacção LanceMZ

 

Hassane Junior, que também fará sua estreia no comando de uma equipa no Moçambola, destacou a importância de respeitar os clubes já estabelecidos no Moçambola, como o Desportivo de Nacala, seu próximo adversário.

 

“Temos que respeitar os clubes que estão lá presentes, são clubes emblemáticos, clubes já com alguma história e experiência. Concretamente o Desportivo de Nacala, é um clube com uma massa de adeptos enorme, tem um histórico de quem joga em Nacala, não tem naturalmente um jogo fácil. Eles vêm a Maputo muito fortes, com ideias bem convictas, com objetivos bem convictos, mas também que vão encontrar um Brera que se preparou devidamente. O nosso objectivo é a manutenção, mas como tenho dito vamos olhar para a árvore e não para a floresta, vamos garantir uma árvore de cada vez, se for para termos uma floresta, depois veremos qual a dimensão se será daqui de Tchumene ou da Amazónia que significará a manutenção”, afirmou Hassane Júnior.

 

No que diz respeito às expectativas por alcançar na presente temporada, Hassane reforçou a necessidade da sua formação abordar cada jogo com foco e determinação, visando o objectivo principal que é garantir uma manutenção tranquila.

 

“Vamos pensar jogo a jogo, vamos ver os 90 minutos que nós temos preparado há muito tempo, que já vão ser no sábado, vamos ver quais são os nossos objetivos e depois vamos pensar jogo a jogo e vamos ver até onde conseguimos angariar árvores o suficiente para conquistar a nossa floresta”, enfatizou o jovem técnico.

 

TREINADOR MAIS JOVEM DO MOÇAMBOLA

 

Tratando-se do treinador mais jovem de sempre a treinar no Moçambola, reconheceu a sua própria falta de experiência, mas expressou confiança no seu processo de aprendizado contínuo.

 

“É facto que sou o treinador mais novo de sempre no Moçambola, naturalmente é complicado pela pouca experiência que possuo, tenho que estar a criar equilíbrio de conhecimento e adquirir cada vez mais experiência, só peço que me olhem como um treinador. Esqueçam um pouco sobre a minha idade ou quanto tempo de experiência eu tenho e vamos olhar mais para o trabalho que eu vou fazer e ver no que dá”, acrescentou.

 

Acrescentou ainda que o grupo está motivado para mostrar o que vale dentro do campo e destacou a importância da motivação e do foco do grupo, dizendo: "O grupo está todo ansioso para esse arranque no Moçambola."

 

CARRELO CONFIANTE NOS JOVENS JOGADORES

 

Apesar da juventude da recém-criada equipa de Tchumene, o capitão da equipa, Júlio Carrelo, expressou a confiança da equipa em alcançar o seu objetivo de manutenção.

 

“O objetivo é manutenção, uma manutenção tranquila e vamos lutar para isso acontecer. E temos muito que aprender ainda, mas isso não fará de nós uma equipa inferior às outras. Acredito que o grupo em si tem trabalhado tanto para conseguir uma manutenção tranquila”, disse o capitão.

 

O Brera Tchumene faz a sua estreia de sempre no Moçambola depois de assegurar a promoção na última temporada e terá como adversário o Desportivo de Nacala numa partida agendada para este sábado no Complexo da ABB. (LANCEMZ)

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .