desporto mocambicano

Geny Catamo é o primeiro na lista de cinco jogadores que vão renovar no Sporting

  • 678

 São cinco os processos de renovação que o Sporting quer concluir até ao final da presente temporada, tal como A BOLA adiantou no final da semana passada, e o primeiro que deve ficar concluído, ainda em 2023, é o de Geny Catamo. As conversas, como referimos na altura, estavam na fase exploratória, mas já tiveram sequência e vão acelerar nas próximas semanas para que fiquem concluídas antes do final do ano, provavelmente até já no mês de Novembro.

 

Por Jornal A Bola

 

O extremo moçambicano de 22 anos, emprestado pelo Amora aos verdes e brancos em 2019 e contratado em 2020, foi cedido a Vitória de Guimarães (segunda metade da época 2021/2022) e Marítimo (2022/2023) mas esta temporada teve oportunidade na pré-época e o treinador Rúben Amorim agarrou-o no plantel principal. Começou a época como alternativa a lateral, mas já está a jogar como extremo e em evidência.

Considerado excelente opção a partir do banco, Catamo vai renovar o contrato que termina em 2025, ao que tudo indica acrescentando-lhe mais três anos, até 2028. O ordenado muito baixo que recebe vai ser aumentado para patamar mais perto dos 500 mil euros brutos anuais e a cláusula de rescisão mantém-se nos 60 milhões de euros, agora o valor de referência para os médios e avançados — até aqui esse valor base era de 45 milhões mas a administração de Frederico Varandas determinou nova tabela, revista em alta.

Presente em todos os jogos

Geny Catamo partia como elemento secundário nesta temporada sportinguista. Conquistou o lugar no plantel principal apenas depois de passar nas provas da pré-época mas o que é certo é que participou em todos os dez jogos que os leões já realizaram em 2023/2024, oito para o campeonato e dois para a Liga Europa, num total de 349 minutos de leão ao peito. Foi até titular em dois jogos, na primeira jornada com o Vizela (esteve 55 minutos em campo num jogo que terminou com vitória leonina por 3-2) e na Liga Europa, na Áustria, com o Sturm Graz (2-1), completando 78’.

No início, o internacional moçambicano partilhou a ala direita com Ricardo Esgaio, dividindo muitas vezes o tempo de utilização com o nazareno, mas nas últimos jogos, com Atalanta e Arouca, já apareceu na frente, onde mais gosta de jogar e onde mais rende. Os números justificam a renovação e a aquisição, por parte dos leões, dos 75 por cento do passe que pertencem ao Amora — as negociações prosseguem.

Dossiê Catamo vai ser então o primeiro a ficar concluído, dos cinco processos de renovação que vão acontecer. Diomande, Coates, Morita e Edwards são os outros quatro.

 

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .