desporto mocambicano

Ferroviário faz o pleno e Costa do Sol termina em segundo na primeira etapa da Taça dos Clubes Campeões

  • 130

O Ferroviário de Maputo venceu os três jogos que teve pela frente na fase de grupo da Taça dos Clubes Campeões Africanos de Basquetebol que decorre no Pavilhão da Universidade Eduardo Mondlane, prova na qual o Costa do Sol terminou em segundo lugar no Grupo A com um saldo de três vitórias e uma derrota, terminando em segundo lugar atrás do Interclube de Angola que venceu os quatro jogos da fase regular da competição.

 

Por Redacção LanceMZ

 

Com este desfecho, as “locomotivas” da capital do país vão defrontar a formação do CNSS da República Democrática do Congo, o Costa do Sol terá pela frente o AS Ville do Senegal, enquanto que o Interclube vai medir forças com o APR do Ruanda e o Sporting Clube do Egipto enfrentará a formação do KPA do Quénia, com os jogos aprazados para a próxima quinta-feira, depois do dia de descanso a observar esta quarta-feira, 14 de Dezembro.

 

Na sua terceira partida desta competição, o Ferroviário de Maputo teve pela frente a formação do Sporting Clube do Egipto, sendo que estavam em campo as duas melhores equipas do grupo A que lutavam pela primeira posição do agrupamento, com as donas da casa a colocarem-se na dianteira logo no primeiro quarto, com o resultado de 23-9.

 

No segundo quarto comandadas por Hagar Amer (que anotou 20 pontos e 13 ressaltos em todo jogo) as egípcias conseguiram um parcial de 19-22, porém as “locomotivas” tiveram em Stefânia Chiziane (15 pontos e 3 assistências) como uma das jogadoras mais esclarecidas e que contribuiu para que as pupilas de Nasir Salé saíssem para o intervalo a vencer por 42-31.

 

Depois do descanso as egípcias continuaram a apertar na defesa e foram certeiras na finalização junto ao cesto, daí que voltaram a ter um parcial favorável de 18-25, reduzindo a desvantagem para quatro pontos, graças ao trabalho de Cierra Dillard que anotou 22 pontos e ganhou 6 ressaltos em toda partida, colocando o resultado em 60-56.

 

Nos derradeiros dez minutos, veio ao de cima a capacidade de controlar o jogo da base americana  Chelsey Shumpert que anotou 19 pontos e ganhou quatro ressaltos, enquanto na área pintada do garrafão Cecília Henriques (15 pontos e 8 ressaltos) fez um bom trabalho, contribuindo para a vitória por 79-70 para o Ferroviário de Maputo.

 

“CANARINHAS”VOAM ALTO PARA SEGUNDO LUGAR NO GRUPO B

  

No seu quarto e último jogo da fase de grupos, o Costa do Sol enfrentou a aguerrida formação do Energie BBC do Benini que desde o primeiro quarto complicou a vida as campeãs moçambicanas que saíram do primeiro quarto a vencer por 25-11, porém essas catorze pontos acabaram por diluir-se no segundo quarto em que a beninense Aku Afetse, autora de 13 pontos na primeira parte, contribuiu para que ao intervalo a diferença fosse de 8 pontos, com o marcador assinalar 41-33, sendo que Elizabeth Pereira foi a jogadora mais inconformada nas “canarinhas” tendo anotado 8 pontos nesta etapa.

 

No terceiro quarto, a turma do Benini continuou a melhorar nos aspectos defensivos permitindo apenas 11 pontos do Costa do Sol. No ataque Aku Afetse foi certeira anotando mais 11 pontos na sua conta pessoal, permitindo que a 1:15 minuto do fim do quarto a partida estivesse empatada a 50 pontos. Ingvild Mucauro apareceu no jogo, marcando nesta etapa cinco pontos, ajudando a equipa a terminar a etapa em vantagem de dois pontos, ou seja 52-50.

 

Nos últimos dez minutos, as pupilas de Leonel “Mabê”Manhique reassumiu o comando da partida, esticou para uma vantagem de nove pontos (65-56) a 3 minutos do fim, tendo o encontro terminado com quatro pontos de diferença, ou seja, 67-63, numa partida em que Ingvild Mucauro somou mais um duplo-duplo com 14 pontos e 11 ressaltos, sendo bem secundada Eleutéria Lhavanguane com 12 pontos, enquanto que do lado contrário os 29 pontos e 3 ressaltos de Aku Afetse e o duplo-duplo de Ramouziath Aminou (que anotou 21 pontos e ganhou 13 ressaltos), foram insuficientes para evitar mais uma derrota das beninenses.

 

KPA E ASCV  VENCEM

 

Na outra partida do Grupo A, a formação da Autoridade Portuária do Quénia levou de vencida a turma do CNSS da República Democrática do Congo por 69-59, numa partida em que o destaque foi Infunaya Okoro que anotou 35 pontos e capturou 9 ressaltos, contribuindo para que a sua equipa terminasse na terceira posição nesta fase inicial da competição.

 

Já para o Grupo B, a turma senegalesa do ASC Vila de Dakar levou de vencida a formação do APR do Ruanda, por 57-37, com 14 pontos de Couna Ndao, consolidando a terceira posição na tabela classificativa da primeira etapa da competição. (LANCEMZ)

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .