O Ferroviário de Maputo venceu o Ferroviário da Beira por uma bola sem resposta na tarde deste domingo, 11 de Dezembro, no jogo referen "/> O Ferroviário de Maputo venceu o Ferroviário da Beira por uma bola sem resposta na tarde deste domingo, 11 de Dezembro, no jogo referen "/>
desporto mocambicano

Ferroviário de Maputo conquista Taça de Moçambique e João Chissano cumpre primeiro objectivo da sua contratação

  • 213

O Ferroviário de Maputo venceu o Ferroviário da Beira por uma bola sem resposta na tarde deste domingo, 11 de Dezembro, no jogo referente à final da Taça de Moçambique. Foi com golo de Jeitoso aos 20 minutos que os locomotivas da capital conquistaram o título da segunda e maior competição futebolística do país. 

 

As duas equipas "locomotivas" entraram em campo com claro objectivo de chegar à vitória, pois era nesta partida que pretendiam salvar a época em que estiveram aquém das expectativas no Campeonato Nacional de Futebol, o Moçambola 2022. 

 

 

Quem tinha fora de golo na tarde era o central Jeitoso que não parava de rematar as segundas bolas na sequência dos pontapés de canto e, aos 20 minutos o central parou no interior da grande área e usou o seu pé esquerdo para rematar fortemente e bateu César Machava para o primeiro e único golo do jogo onde houve vibração estrondosa da claque Vataxanisseka. 

 

Com este golo solitário o Ferroviário de Maputo conquistou a Taça de Moçambique, feito que falhou na edição de 2019 em que foi finalista vencida pela União Desportiva do Songo, formação que foi eliminada pelos "locomotivas" da capital do país nas meias-finais da edição 2019 em que venceram por uma bola sem resposta.

 

Refira-se que um dos objectivos da recente contratação de João Chissano tinha em vista a conquista da Taça de Moçambique, bem como a reestruturação do plantel principal de futebol do Ferroviário de Maputo para que volte a conquistas que vinham escapando ao clube.

 

Este é o sexto título de vencedor da Taça de Moçambique conquistado pelo Ferroviário de Maputo que alcançou feitos idênticos nos anos de 1984, 1989, 2004, 2009 e 2011. O Ferroviário foi finalista em cinco ocasiões em 1982, 1994, 2003, 2014 e 2019.

 

A galeria de troféus da Taça de Moçambique é liderada pelo Costa do Sol com 13, seguido do Maxaquene com 8 e o Ferroviário de Maputo segue na terceira posição agora com oito conquistas. (LANCEMZ)

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .