Já é o conhecido o emparelhamento dos jogos "/> Já é o conhecido o emparelhamento dos jogos "/>
desporto mocambicano

Ferroviário de Maputo - União do Songo é a reedição da final de 2019 antecipada para meia-final da Taça de Moçambique

  • 239

Já é o conhecido o emparelhamento dos jogos das meias-finais da Taça de Moçambique em futebol, cujo sorteio foi realizado esta quinta-feira, 13 de Outubro, e que ditou o embate entre o Ferroviário de Maputo e a União Desportiva do Songo, considerada uma verdadeira final antecipada da competição.

 

Por Redacçāo LanceMZ

 

Esta meia-final será a reedição da última final da prova realizada em 2019 e que foi ganha pela União Desportiva do Songo por duas bolas a zero, com os golos a serem apontados por Amadu (37 minutos) e Telinho (41') e permitiram à equipa de Cahora Bassa ganhar a sua segunda Taça, depois da conquista em 2016. Na referida época, Songo e Ferroviário de Maputo fecharam o pódio do Moçambola 2019, que terminou no domingo, respectivamente nos segundo e terceiro lugares, depois do campeão Costa do Sol.

 

Esta partida terá lugar na cidade de Maputo e vai envolver duas formações que a cada época lutam pela conquista dos principais troféus em disputa no futebol moçambicano, tal é o caso da competição em apreço, que é a maior que se realiza no país, visto que envolve todas oficialmente formações inscritas na modalidade.

 

Se a União Desportiva do Songo é detentora de duas Taças de Moçambique enquanto que o Ferroviário de Maputo tem no seu palmarés cinco troféus conquistados nesta competição, nomeadamente nos anos de 1984, 1989, 2004, 2009 e 2011.

 

Para atingir as meias-finais, a União Desportiva do Songo eliminou o Baia FC de Pemba por 5-1, enquanto o Ferroviário de Maputo deixou para trás o Costa do Sol ao vencer por duas bolas sem concorrência em casa dos “canarinhos”.

 

AD VILANKULO RECEBE FERROVIÁRIO DA BEIRA

 

A outra meia-final da Taça de Moçambique vai envolver as equipas das Associação Desportiva de Vilankulo e o Ferroviário da Beira, embate que vai ter lugar no Alto Makhassa, concretamente no campo Municipal local.

 

Este jogo vai envolver duas formações que vão procurar salvar a época, tendo em conta que tanto os “locomotivas” do Chiveve e o “hidrocarbonetos” de Vilankulo estão longe da possibilidade de chegar ao título no Moçambola 2022.

 

Nesta eliminatória o Ferroviário da Beira é o clube com maior palmarés na competição, pois conta com três Taças de Moçambique conquistadas, nas épocas de 1979, 2005  e 2014, enquanto que a Associação Desportiva de Vilankulo nunca conquistou a competição.

 

MEIAS-FINAIS AINDA SEM DATAS

As meias-finais da maior competição futebolística nacional será disputada em uma única mão, sendo que em caso de empate será disputado um prolongamento de 30 minutos e se a igualdade no resultado persistir será encontrado o vencedor através da marcação de pontapés da marca de grande penalidade.  

 

Referir que as meias-finais da Taça de Moçambique ainda não tem datas para a sua realização, pois a Federação Moçambicana de Futebol está ainda a harmonizar as datas com a Liga Moçambicana de Futebol, tendo em conta que está em curso a disputa do Moçambola 2022.

 

Habitualmente, a final da Taça de Moçambique tem sido o jogo que marca o encerramento da época futebolista, o que equivale dizer que deverá ter lugar na semana seguinte ao fecho do Moçambola.

 

Recordar que nos anos 2020 e 2021 a Taça de Moçambique não foi disputada devido a pandemia da COVID-19, sendo que o Ferroviário da Beira acabou por ser o clube indicado para representar o país na Taça CAF, na condição de segundo classificado do Moçambola 2021. (LANCEMZ)

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .