A Liga Moçambicana de Futebol (LMF) tem tudo apostos para o arranque do Moçambola 2024, marcado para o dia 20 de "/> A Liga Moçambicana de Futebol (LMF) tem tudo apostos para o arranque do Moçambola 2024, marcado para o dia 20 de "/>
desporto mocambicano

Vem aí o Moçambola 2024 com inovações que prometem trazer nova dinâmica para prova

  • 2718

A Liga Moçambicana de Futebol (LMF) tem tudo apostos para o arranque do Moçambola 2024, marcado para o dia 20 de Abril de 2024, numa cidade ainda por definir. O vice-presidente para Comunicação e Marketing, Alexandre Jorge Mano, anunciou a introdução da designação do Homem de Jogo no final de cada partida, para além de novos canais de comunicação que vão permitir a interação com os amantes da modalidade. O sorteio da prova está marcado para o dia 11 deste mês, data em que terá lugar a Assembleia Geral da LMF.

 

Por Alfredo Júnior

 

Quando faltam 17 dias para o arranque da maior prova futebolística do país, a LMF chamou a comunicação social para dar o ponto de situação da organização do Moçambola 2024, tendo Alexandre Jorge Mano assegurado que os preparativos para ao arranque da competição decorrem a bom ritmo, sendo que a nova Direcção que está há 45 dias em funções tem já assegurado as condições logísticas para a realização do maior evento desportivo do país.

 

“As condições logísticas estão asseguradas, a situação do novo modelo de premiação também está assegurado, com o primeiro lugar a receber 5 milhões de Meticais, o segundo receberá 2 milhões e o terceiro 1 milhão, sendo que o sorteio terá lugar a 11 de Abril aqui em Maputo, sendo que na mesma data ficaremos a saber os árbitros que vão dirigir os jogos desta prova”, disse Alexandre Jorge Mano.

 

Na componente logística a Direcção de Alberto Simango garante o aumento do número de integrantes de cada equipas nas deslocações para a realização de jogos fora de casa, sendo que partir deste ano cada delegação será composta por 25 elementos, contra os anteriores 23.

 

“Uma vitória daquilo que é o trabalho que estamos a fazer com os nossos parceiros é o de aumentar o numero de passagens aéreas por delegação vai subir para 25 por acharmos ser necessário a luz daquilo que são as alterações do regulamento da prova, temos que dar as melhores condições aos nossos associados para que tenham o melhor proveito, num esforço muito grande da Liga, mas apesar de estarmos a pouco tempo, são importantes para aquilo que é o desporto”, disse o Vice-Presidente. 

 

No que diz respeito as transmissões televisivas a LMF deu a conhecer que no âmbito da continuidade do acordo com a StarTimes cerca de 66% dos jogos serão transmitidos em directo, sendo quatro por semana.

 

“Serão disputados 132 jogos dos quais 88 terão transmissão em directo, vamos ter 4 jogos por fim-de-semana que serão transmitidos em directo, no âmbito do acordo que temos com no acordo com o nosso parceiro naquilo que pretendemos que seja o aumento da visibilidade do futebol e dos benefícios que os clubes vão ter e da massificação da modalidade”, disse Mano que deu a conhecer que “a prova vai ter lugar nas cidades de Maputo, Matola, Beira, Songo, Chimoio, Maxixe, Nampula, Nacala, Lichinga e Pemba”. 

 

MAN OF THE MACTH E SUSTENABILIDADE DO MOÇAMBOLA

 

A nova Direcção da LMF pretende introduzir no final de cada jogo desta temporada novos prémios por forma a incentivar os jogadores a elevarem o nível competitivo da prova, bem como o engajamento dos adeptos da modalidade que através das novas páginas nas redes sociais do Moçambola poderão envolver-se muito mais nesta prova.

 

“Vamos lançar uma nova página oficial do Facebook da liga que será um canal preferencial para comunicar tudo que vai acontecer, por exemplo nós vamos ter inovações na atribuição do Man of the Match (Homem do Jogo) que é uma inovação que teremos durante todo campeonato e depois vamos fazer uma pontuação dessa evolução, passamos a ter um canal  corporativo activo naquilo que é a comunicação com a LMF, vamos partilhar muita informação e fórum de discussão sobre o futebol e partir delas vamos comunicar muito sobre aquilo que vai acontecer no nosso Moçambola. Estamos a fazer várias acções de marketing e comunicação para fazer chegar o Moçambola a muitos moçambicanos e teremos muitas inovações que serão oportunamente divulgadas, criando novas dinâmicas, antes, durante e depois do jogo”, disse Jorge Mano.

 

Alexandre Jorge Mano assegurou que a Direcção da LMF está a trabalhar para assegurar que o Moçambola seja atractivo e sustentável, criando novas sinergias no futebol, sendo que todas as acções tem como objectivo de elevar a competitividade na prova que será disputada por 12 clubes, sendo que a segurança nos campos de futebol é uma prioridade para a liga para o envolvimento de todos no futebol. (LANCEMZ)   

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .