Os treinadores estrangeiros Srdan Zivojnov, da União Desportiva d "/>  

 

Os treinadores estrangeiros Srdan Zivojnov, da União Desportiva d "/>

desporto mocambicano

Srdan Zivjonov e Hélder Duarte inscritos como adjuntos e proibidos de darem entrevistas

  • 1069

 

 

Os treinadores estrangeiros Srdan Zivojnov, da União Desportiva do Songo, e Hélder Duarte, do Ferroviário da Beira, estão inscritos como adjuntos por não possuírem as licenças que os habilitem a serem timoneiros principais das respectivas das equipas que militam no Campeonato Nacional de Futebol - Moçambola 2023.

 

Por Redacção LanceMZ

 

O facto é revelado numa nota da Federação Moçambicana de Futebol sobre a situação dos treinadores das equipas que participam no Moçambola devido a não observância das normas e regulamentos sobre bancos técnicos na orientação de jogos e orientação dos aquecimentos dos jogadores suplentes, bem como a quem cabe a obrigação de conceder entrevistas após a realização de jogos.

 

Assim sendo, aos treinadores em causa e a todos outros inscritos como adjuntos está vedada a possibilidade de concederem entrevistas aos órgãos de informação no final dos jogos do Moçambola, segundo indicam os regulamentos que atribuem essa responsabilidade aos treinadores inscritos como principais.

 

Refira-se que a União Desportiva do Songo e o   Ferroviário da Beira tem nos moçambicanos Carlos Manuel e João Mário, respectivamente, como os principais dos “hidroelétricos” e “locomotivas” do Chiveve, cabendo-lhes a responsabilidade de analisarem as incidências no final dos jogos.

 

Dos treinadores estrangeiros inscritos pelas equipa do Moçambola, os portugueses Horácio Gonçalves (Costa do Sol e tem como adjunto o moçambicano André “Jossias” Macamo que normalmente acompanha os jogos pela bancada) e Hugo Martins (Black Bulls onde Custódio Gune é o adjunto) estão legalmente inscritos como timoneiros principais das suas equipas, enquanto que o recém chegado Alexandre Cepeda (Baía de Pemba FC) está alistado como adjunto do moçambicano Eurico Jacinto da Conceição.

 

Eis a lista dos treinadores inscritos pelas equipas do Moçambola 2023:

 

Ferroviário de Maputo: João Chissano (principal) e Carlos Baúte (adjunto)

 

Ferroviário da Beira: João Mário (principal) e Hélder Duarte (adjunto)

 

Ferroviário de Nampula: António Muchanga (principal) e Manuel Júnior (adjunto)

 

Ferroviário de Nacala: Artur Comboio (principal) e não foi inscrito um adjunto

 

Ferroviário de Quelimane: Rogério Balate (principal) e Bartolomeu Maria (adjunto)

 

Ferroviário de Lichinga: Artur Macassar (principal) e Jifasson Eduardo (adjunto)

 

Costa do Sol: Horácio Gonçalves (principal) e André Macamo (adjunto)

 

Baía de Pemba FC: Eurico Jacinto da Conceição (principal) e Alexandre da Costa Cepada (adjunto)

 

Associação Black Bulls: Hugo Martins (principal) e Custódio Gune (adjunto)

 

União Desportiva do Songo: Carlos Manuel (principal), Srdan Zivojnov (adjunto) e Edson Fijamo (adjunto)

 

Associação Desportiva de Vilanculo: Antero Cambaco (principal) e André Amisse (adjunto)

 

Matchedje de Maputo: Abineiro Ussaca (principal) e Zainadine Mulungo (adjunto)

 

(LANCEMZ)

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .