O jogo Ferroviário da Beira – Black Bulls é o de cartaz da sétima jornada do Moçambola 2023, "/> O jogo Ferroviário da Beira – Black Bulls é o de cartaz da sétima jornada do Moçambola 2023, "/>
desporto mocambicano

Líder Black Bulls testa-se no caldeirão do Chiveve

  • 455

O jogo Ferroviário da Beira – Black Bulls é o de cartaz da sétima jornada do Moçambola 2023, tendo em conta que vai opor o atual líder (18 pontos) do Campeonato Nacional de Futebol ao segundo classificado (com 13) que joga em casa em pleno Caldeirão do Chiveve contando com o apoio do seu público para chegar à vitória para encurtar a distância que separa as duas equipas.

 

Por Redacção LanceMZ

 

O Caldeirão do Chiveve estará, certamente, no centro das atenções dos amantes do futebol moçambicano. Pois haverá, sábado, 27 de Maio, um duelo entre as duas equipas que seguem no topo da tabela classificativa, com a particularidade de os “touros” ainda não terem sentido o sabor amargo da derrota na presente edição da prova, pelo que este será mais um teste às capacidades da equipa de Hugo Martins.  

 

Nas últimas quatro ocasiões que estas duas equipas se defrontaram, a Black Bulls saiu vitoriosa em todos jogos disputados em sua casa (1-0 a 2 de Outubro de 2022 e 3-1 a 31 de Outubro de 2021) e os dois jogos que decorreram no Caldeirão do Chiveve terminaram empatados (0-0 a 25 de Julho de 2021 e 1-1 a 15 de Maio de 2022).

 

É por estas e outras razões que os dois treinadores, por sinal ambos portugueses, antevêem um jogo bem disputado por ambas partes e que poderá arrastar milhares de espectadores a aquele recinto situado na baixa da Cidade da Beira.

 

HÉLDER DUARTE SÓ PENSA NA VITÓRIA

 

No lançamento do jogo, Hélder Duarte, que foi campeão pela Black Bulls e que vai defrontar pela primeira vez o seu anterior clube, disse que a semana de trabalho foi normal, apesar das responsabilidades do jogo.

 

“Para nós foi uma semana normal de trabalho tal e qual preparamos todas as outras o adversário é a Black Bulls é uma equipa que conheço com quem trabalhei, tenho um sentimento especial porque fui eu quem iniciou com aquele projecto, mas agora represento o Ferroviário da Beira e como é lógico quero vencer”, disse Hélder Duarte.

 

“Vamos defrontar uma boas equipas, mas já defrontamos outras como o Ferroviário de Maputo, o de Quelimane e fomos perder a Lichinga, a ABB é uma boa equipa, por isso para nós é mais um jogo e nada mais que isso”, disse Duarte na antevisão do jogo de sábado.

 

HUGO MARTINS ESPERA ADVERSÁRIO DIFÍCIL

 

Depois de seis jogos sem perder, a Black Bulls vai enfrentar um adversário que tem estado a registar bons resultados na prova, daí a segunda posição que ocupa na tabela classificativa. É por esta razão que o treinador da Black Bulls espera por um jogo difícil.

 

“Esperamos um adversário difícil, organizado, bastante competitivo com processos colectivos que têm vindo a crescer com o decorrer dos jogos e a realidade é que acreditamos que é o jogo da jornada em que estarão em campo as duas melhores equipas neste momento o que se traduz na pontuação e na classificação, pelo que espera-se um jogo, de qualidade que possamos presentear todo o público que irá ao estádio porque sabemos que normalmente nestes jogos o estádio fica muito bem composto pelo público que gosta de futebol, pelo que procuraremos brindar com um bom jogo e que isso nos leve a vencer e a consolidar este primeiro lugar”, disse Hugo Martins a página oficial da Black Bulls na antevisão do jogo.

 

Esta partida terá a arbitragem de Fernando Francisco, sendo que o 1° assistente será o internacional Venestácio Cossa e o 2° Assistente foi nomeado Marcos Marrengula. O 4° árbitro será Guilherme Malagueta. (LANCEMZ)

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .