desporto mocambicano

Hélder Duarte critica desorganização no Moçambola e prevê um duelo complicado em Nampula

  • 97

Na antevisão da partida da 3ª Jornada frente ao Ferroviário de Nampula, o treinador da Associação Black Bulls, Hélder Duarte, expressou a sua insatisfação com a organização do Moçambola. O técnico português, destacou a falta de clareza sobre a data e o local do jogo, afirmando que essa incerteza prejudica a preparação das equipas e a qualidade da competição.

 

Por Redacção LanceMZ

 

“Ainda não sei quando é que vai ser o jogo, se vai ser sábado, se vai ser domingo e onde vai ser, o que é mal para a prova, porque se queremos uma prova competitiva e justa e correcta, acho que já se devia saber quando é que ia ser o jogo. Planejei a semana para nós jogarmos no domingo, hoje tiveram uma carga de treino bastante elevada e se o jogo for no sábado, depois é tiverem dificuldades e se sentirem cansados, é muito também resultado desta desorganização, infelizmente do Moçambola”, lamentou o técnico português.

 

Contudo, Hélder Duarte, antevê um duelo complicado na deslocação ao terreno dos “locomotivas” de Nampula, tecendo elogios à turma da capital do que, na presente edição do Moçambola, já soma duas vitórias em duas jornadas.

 

“O Ferroviário Nampula tinha uma excelente equipa e apesar dos resultados na pré-época não terem sido animadores, eu sabia que eles iam estar preparados para este Moçambola da melhor forma porque mantiveram o excelente treinador que o ano passado teve excelentes resultados. Tem uma equipa muito homogénea, com muita qualidade e que nos vai criar muitas dificuldades”, reconheceu.

 

Por outro lado, mostrou confiança na sua equipa e na preparação para o confronto contra um dos líderes da competição. Reforçando a importância de manter a filosofia de jogo e acreditar no trabalho realizado até agora.

 

"Independentemente do resultado e da equipa, nós nunca mudamos do que é a nossa ideia. Por isso, nós vamos tentar posicionar alto, vamos tentar ter sempre a bola, vamos tentar ocupar os espaços que o Ferroviário de Nampula nos der", afirmou Duarte.

 

VICTOR OPTIMISTA

 

Depois de sair como melhor marcador da Liga Jogabets, o avançado Victor esteve ausente por duas semanas e perdeu a primeira jornada do Moçambola, voltou na vitória diante do Baía de Pemba onde entrou e marcou um dos golos dos Touros.

 

O jogador moçambicano mostrou-se feliz por estar de volta e puder contribuir e ajudar a equipa a alcançar resultados positivos.

 

“É sempre bom estar de volta. Quando um jogador está lesionado parece que o desejo de voltar a jogar é sempre maior e comigo não foi diferente. Foram duas semanas difíceis, uma lesão meio complicada, mas felizmente voltei a jogar e pude ajudar a equipa com mais um gol”, contou o atleta.

 

No que diz respeito ao desafio em campo, o avançado da Black Bulls, Victor Tesoura, expressou optimismo em relação ao desempenho da equipa.

 

“A nossa linha ofensiva é muito boa. O facto do Ferroviário não ter sofrido nenhum golo até agora significa que tem uma boa defesa. Nós temos um bom ataque e estou convencido de que vamos fazer golos e vamos ganhar", afirmou um dos capitães dos touros.

 

A par da Associação Black Bulls, o Ferroviário de Nampula partilha a liderança do campeonato nacional ambos com 6 pontos, juntamente com o Desportivo de Nacala e a União Desportiva de Songo que terá uma deslocação complicada ao reduto do Costa do Sol. (LANCEMZ)

 

 

 

 

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .