A selecção nacional de futebol de praia foi derrotada pelo Senegal por 3-2 no jogo das meias-finais do Campeon "/> A selecção nacional de futebol de praia foi derrotada pelo Senegal por 3-2 no jogo das meias-finais do Campeon "/>
desporto mocambicano

Guerreiros caem na praia de Vilankulo aos pés dos Leões de Teranga

  • 87

A selecção nacional de futebol de praia foi derrotada pelo Senegal por 3-2 no jogo das meias-finais do Campeonato Africano que decorre em Vilankulo, na província de Inhambane. O Guerreiros da Praia que ostentavam o título de vice-campeões africanos caíram aos pés do Leões de Teranga que são vencedores de três CAN’s sucessivos de Beach Soccer (2016, 2018 e 2021) é que tem encontro marcado com o Egipto para esta sexta-feira, 28 de Outubro.

 

Por Alfredo Júnior em Vilankulo

 

A Moçambique resta lutar pela medalha de bronze frente ao Marrocos, selecção que perdeu na meia-final diante do Egipto por 5-4. Será o quinto encontro entre os Guerreiros da Praia e os Leões do Atlas, sendo segundo nesta conceituação visto que as duas selecções estavam integradas no mesmo Grupo A e a vitória na fase de grupos sorriu para os marroquinos por 3-1.

 

Perante uma Arena de Vilankulo completamente lotada e com centenas de pessoas ainda a querem ter acesso ao recinto, a meia-final entre Senegal e Moçambique era a quarto frente-a-frente entre as duas selecções, sendo que os jogos anteriores terminaram sempre com a vitória dos Leões de Teranga. 

 

A equipa da casa galvanizada pelo seu público entrou melhor, com Nelson Manuel a sofrer falta e a cobrar o livre que foi parar no fundo das redes do experiente guarda-redes Al Siyine Ndiaye. Festa para o banco técnico nacional com Abineiro Ussaca a ver seus pupilos a jogarem com alegria, com 2:18 minutos por jogar no primeiro período. 

 

Os campeões africanos reagiram, fazendo remates à meia distância, mas o guarda-redes Gonçalves Bila a demonstrar atenção entre os postes, evitando o pior para as suas redes. 

 

O segundo golo foi ocamente de livre cobrado por Nelson Manuel que voltou a bater o guarda-redes Al Siyine Ndiaye que viu-se incapaz para travar o forte remate do jogador do Ferroviário de Maputo, 3:37 Min por jogar no segundo período, Moçambique chegava a uma impensável vantagem. 

 

Mas a resposta à campeã do Senegal não tardou, conseguindo reduzir a desvantagem  para 1-2 com o golo a ser apontado de livre por Seydima Issa Laye quando faltavam por jogar 3:24 minutos do segundo período. 

 

Os Leões do Teranga e continuaram a forçar o erro dos moçambicanos e chegaram ao golo de igualdade por com Babacar Fall a marcar através de um livre com remate a ir parar no fundo das redes moçambicana a 17.9 segundo do fim do segundo período.

 

A cambalhota no marcador aconteceu quando faltavam por jogar 7:52 minutos no terceiro período com Mamadou Sylla a apontar o golo que foi recebido que nem um balde de água gelada pela maioria dos presentes na Arena de Vilankulo. 

 

Pouco depois confirmava-se mais uma qualificação do Senegal para o Mundial de Futebol de Praia e presença em mais uma final do Campeonato Africano de Futebol de Areia em que o Senegal irá participar, pela quarta vez consecutiva. 

 

FICHA TÉCNICA

 

SENEGAL: 1 - Al Seyni Ndiaye (C), 2- Ninou Jean Paul Diatta, 5 -Mamadou Sylla, 6 - Amar Samb, 9 -Raoul Mendy

 

Treinador: Mamadou Diallc

 

SUPLENTES

3 - Papa Modou Ndoye, 7 - Babacar Fall, 10 - Mamour Diagne, 11 - Souleymane Coly, 12 - Seydina Issa Laye Diagne, 13 - Seydina Issa Laye Sene, 15 - Saliou Boubou Ndoye

 

MOÇAMBIQUE: 12 - Gonçalves Bila, 3 - Angelo Artur Tomas (C), 6- Nelson Manuel, 8- Gabi Mualeve - 13 Ramossete Alexandre Cumbe

 

Treinador :Abineiro Ussaca 

 

Suplentes

1 - Horácio Tivane, 2 - Bachir Augusto Mussa, 5 - Gerson Vicente Chivale. 7- Yuran Jose Malate, 9- António Jose Pedro Namape Jr, 11- Hélio Filipe Mahota, 14 - Julio Armando Manjate

 

(LANCEMZ)

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .