O Ferroviário de Nampula foi duramente multado pelo Conselho de Disciplina da Liga Moçambicana de Futebol como c "/> O Ferroviário de Nampula foi duramente multado pelo Conselho de Disciplina da Liga Moçambicana de Futebol como c "/>
desporto mocambicano

Ferroviário de Nampula duramente multado por desacatos no dérbi com homónimo de Nacala

  • 446

O Ferroviário de Nampula foi duramente multado pelo Conselho de Disciplina da Liga Moçambicana de Futebol como consequência dos desacatos registados no dérbi da capital do norte frente ao seu homónimo de Nacala, da sexta jornada do Moçambola 2023 que terminou com vitória dos “locomotivas”da Maiaia por uma bola sem resposta. Ao todo o CD da LMF foi ao bolso do Ferroviário de Nampula tirar 95 mil meticais de multas.

 

Com feito, ao abrigo do n° 2 do artigo 150° do R.D. da LMF, foi aplicada uma multa de 20.000,00 Mt (Vinte Mil Meticais), por os sócios e simpatizantes do Ferroviário de Nampula terem adotado comportamento desportivamente incorrecto, através do arremesso de objectos para o interior do rectângulo do jogo tais como: garrafas plásticas de água e outros objectos contundentes.

 

No mesmo jogo, ao treinador Adjunto do Clube Ferroviário de Nampula, Manuel Júnior, foi sancionado por adotar atitude incorrecta, proferindo palavras injuriosas contra a equipa de arbitragem no fim do jogo, com a pena de advertência e multa acessória de 75.000,00 Mt (Setenta e Cinco Mil Meticais)

 

Na mesma jornada foi punido o Clube Ferroviário de Quelimane, com a pena de multa de I0.000,00 Mt (Dez Mil Meticais), por os sócios e simpatizantes terem adotado comportamento desportivamente incorrecto, através do arremesso de objectos estranhos para o Interior do rectângulo do jogo tais como: garrafas plásticas de água, no jogo em que perderam por três bolas a uma e que realizaram contra o Clube Ferroviário da Beira, referente a 6ª jornada do Moçambola.  (LANCEMZ)

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .