desporto mocambicano

Caldeirão do Chiveve a fervilhar no empate entre locomotivas e touros

  • 524

A Associação Black Bulls empatou sem abertura de contagem no terreno do Ferroviário da Beira na tarde deste sábado, 27 de Maio, na partida escaldante da 7ª jornada que abarrotou por completo o Caldeirão do Chiveve que fervilhou durante 90 minutos neste jogo que colocou frente a frente o líder da prova e o segundo classificado separados por 5 pontos.

 

Por: Redação LANCEMZ

 

O Caldeirão do Chiveve esteve completamente cheio para ver de perto as emoções da partida de destaque desta ronda entre duas equipas comandadas por dois técnicos portugueses, por um lado, a Black Bulls treinada por Hugo Martins e o Ferroviário da Beira orientado por Hélder Duarte respectivamente, que já foi campeão nacional em 2021 pelos Touros quando se estrearam na fina flor do futebol nacional.

 

Considera-se este o jogo que mais público levou ao campo dos Locomotivas desde que a presente edição do Moçambola iniciou. O duelo começou quente com as duas equipas com as setas apontadas para as balizas contrárias.

 

A Black Bulls entrou como líder em busca de mais uma vitória que consolidou ainda mais a sua liderança na prova, as duas colectividades criaram situações de perigo, em que caso uma delas tivesse marcado, quiçá o resultado do jogo teria sido outro, não haveria empate porque havia sede de ganhar o jogo.

 

O Ferroviário da Beira criava boas situações através de Mafaite que conseguiu desequilibrar a ala esquerda da equipa adversária tendo mais jogadas ofensivas criando calafrios à defesa da equipa forasteira que igualmente não dormiu, através de Fidel e Danilo conseguia penetrar pelas alas chegando ao último terço da equipa da casa que soube bem se bater na defesa da sua baliza.

 

Diversas oportunidades foram criadas durante a primeira parte, sobretudo do Ferroviário da Beira que teve mais situações ofensivas mas, valeu a atenção de Ivan que manteve a sua baliza inviolável permitindo que o resultado se mantivesse nulo durante a etapa inicial. Os Touros também poderiam ter marcado mas César Machava esteve atento, defendeu bem os postes, o que levou o juiz da partida, Fernando Francisco a mandar as duas equipas ao intervalo.

 

A segunda parte foi mais Ferroviário da Beira do que Black Bulls porque a equipa da casa queria sair do jogo com os três pontos, porque o seu oponente neste jogo é o líder da prova, também queria alegrar a moldura humana que se fez presente no campo.

 

O guarda-redes dos Locomotivas não teve muito incómodo durante a etapa complementar, os touros entraram para defender, segurando o resultado que beneficia de certa forma a equipa visitante.

 

Ivan Urrubal esteve em grande ao fazer duas grandes defesas ao cair do pano na sequência de um livre perigoso em que a equipa da casa poderia ter aberto o activo. A equipa da arbitragem foi contestada pelo público que se fez presente no jogo que teve como palco o Caldeirão do Chiveve. Com este resultado, a Black Bulls continua líder com 19 pontos e o Ferroviário da Beira com 14 pontos. (LANCEMZ)

 

Notícias Relacionadas
Ads - Anuncio 3
Todos os direitos reservados a Lance. Registrado no GABINFO: REGISTO: 57/GABINFO-DEPC/210/2022 .